sexta-feira, janeiro 11

HELP


Poesia Concreta - Vera Vilela

2 comentários:

parla marieta disse...

Calma, calma, calma... estou chegando pra te socorrer.
Não deixe as letrinhas se romperem. As letrinhas são a salvação sua e dos que te lêem.
Calma, espera, tô chegando.
Com meus patins velozes, com meu tênis bala, com minha boa vontade e meu amor

LILLYBETH disse...

Você já está tendo esta Ajuda só que ainda não está conseguindo vê-la...Tenha calma e tenha fé!!!
Abração fraterno da mana Rapa